um tigela com cúrcuma em pó e no outro as raízes

A cúrcuma é uma planta com capacidades antioxidantes e anti-inflamatórias. Nativa do sul da Ásia, ela é cultivada, principalmente, na Índia, Indonésia e outras regiões tropicais. Em relação à aparência, ela conta com coloração alaranjada, enquanto o sabor é terroso e amargo.

Por contar com uma série de propriedades medicinais, a planta é usada muito além da cozinha e ganhou espaço em uma série de suplementos, como no Curcumais, um remédio natural usado para tratar dores musculares e nas articulações.

Na verdade, os benefícios da cúrcuma ultrapassam o que citamos. Por isso, preparamos um conteúdo completo para falar sobre cada um deles. Continue a leitura e confira!

Quais são os principais benefícios da cúrcuma?

Incluir o açafrão-da-índia, como também é conhecido, na sua rotina, significa garantir uma série de ganhos relacionados à saúde, como: alívio da dor, proteção contra doenças crônicas e até mesmo mais bem-estar.

Pessoas segurando uma embalagem de curcuma

Rica em potássio, cálcio, ferro, vitaminas C e B6 e minerais, a planta oferece diversas vantagens. A seguir, você conhece os detalhes sobre elas.

1. Melhora a digestão e auxilia no reequilíbrio do sistema digestivo

A cúrcuma estimula a vesícula biliar a produzir o bile, algo essencial para a digestão de gorduras. Como consequência, temos uma melhora da digestão e a diminuição de problemas com inchaço e gases, reequilibrando o sistema digestivo.

2. Melhora a resposta anti-inflamatória natural do organismo

O primeiro passo para quem deseja conhecer sobre a cúrcuma e os benefícios que ela possui é compreender que a planta é um poderoso anti-inflamatório. Dessa forma, ela entra em ação para aliviar a inflamação do trato gastrointestinal.

Caso não saiba, essa inflamação é responsável por causar problemas digestivos graves, como a síndrome do intestino irritável (SCI) e outros problemas. Para reverter a situação, você pode incluir na sua dieta suplementos que levam o ingrediente na composição.

3. Ajuda na perda de peso

Por contar com ação termogênica e garantir mais energia, a cúrcuma é uma excelente aliada na perda de peso e contribui para uma maior queima da gordura corporal. Não à toa, ela é usada para reverter casos de obesidade ou sobrepeso.

4. Estimula o sistema imunológico

Assim como alguns tipos de magnésio, a planta oferece ao organismo mais imunidade, tudo graças à curcumina. Inclusive, esses benefícios foram comprovados em um estudo realizado no setor de saúde da UNIPAR (Universidade Paranaense). Consequentemente, ao tomar um remédio natural com a cúrcuma, será possível observar a redução de infecções e inflamações.

5. Combate resfriados e gripes

Por reforçar o sistema imunológico, o açafrão-da-terra pode ser usado no combate de gripes e resfriados. Além disso, ele ainda é considerado um excelente suplemento no tratamento de alergias, como rinite e asma. Vale lembrar que, em casos graves, a indicação é buscar ajuda médica para ter cuidados assertivos.

6. Evita crises de asma

Antes de tudo, é preciso ressaltar que a cúrcuma não substitui nenhum tratamento contra asma, sendo necessário falar com um profissional sobre o assunto. Ao contrário, ela entra em ação para potencializar o método já usado.

Mas por que o açafrão-da-índia reduz as crises de asma? Porque a asma é uma condição inflamatória das vias respiratórias, e a curcumina possui propriedades anti-inflamatórias que podem ajudar a reduzir essas inflamações, diminuindo a gravidade e a frequência das crises.

7. Desintoxica e trata problemas de fígado

Como falamos anteriormente, a planta conta com competências anti-inflamatórias e antioxidantes, por isso, ela pode ser usada no tratamento de problemas hepáticos e na proteção e regeneração das células do fígado. A cúrcuma ainda potencializa a capacidade do fígado de desintoxicar o corpo e de processar substâncias nocivas.

8. Regula a flora intestinal

Dentre os benefícios da cúrcuma, também é possível citar a regulação da flora intestinal, responsável por cuidar de problemas relacionados à diarreia, doença de Crohn e colite ulcerativa. Para completar, ela promove o crescimento de bactérias benéficas e garante mais saúde para a região.

9. Regula o colesterol

Ao entrar no organismo, a cúrcuma consegue reduzir o colesterol LDL, considerado negativo para o corpo. A consequência é a diminuição de diversas doenças, como acidente vascular cerebral e infartos.

10. Aliviar inflamações da pele

Você sofre com psoríase, acnes ou eczema? O açafrão-da-terra pode te ajudar a reverter a situação. Ele ainda oferece uma rápida cicatrização após lesões, retarda o envelhecimento e os sinais de idade, clareia a pele e contribui para o tratamento de infecções cutâneas.

Confira também: Fortaleça sua imunidade neste inverno: dicas e suplementos essenciais

Como consumir a cúrcuma?

Ao ser consumida sozinha, a cúrcuma pode perder as propriedades e todas essas vantagens que você acabou de conhecer. Por isso, você deve optar por incluí-la na sua dieta em forma de suplementos e nas dosagens ideais. Para entender quais são elas, preparamos um conteúdo sobre como tomar a cúrcuma. Confira!

Quais são os efeitos colaterais?

É importante ressaltar que, quando usada da forma correta, a planta não apresenta nenhum risco à saúde. Porém, ao ser consumida em excesso, ela pode levar uma pessoa a ter fortes enjoos e dores no estômago.

Há contraindicações para o consumo da cúrcuma?

Apesar de ser um remédio natural com diversas vantagens, nem todas as pessoas podem utilizá-lo. Mulheres grávidas só podem fazer o uso do suplemento com liberação médica, já que, no caso das gestantes, a cúrcuma pode induzir ao aborto.

Crianças, pessoas com úlceras gástricas, alergia à curcumina, distúrbios hemorrágicos e obstrução das vias biliares também não devem incluir a especiaria na dieta.

Qual é a diferença entre o açafrão e a cúrcuma?

A diferença está nas capacidades medicinais e no sabor. A cúrcuma possui capacidade anti-inflamatória e antioxidante, enquanto o açafrão é usado para o alívio do estresse e da depressão. Em relação ao sabor, a cúrcuma longa conta com notas mais amargas, por isso, o açafrão costuma ser mais usado na culinária.

 

duas imagens uma contem cúrcuma e a outro contem açafrão

Agora que você conheceu a cúrcuma e os benefícios que ela possui, temos certeza que poderá aproveitar melhor as capacidades da especiaria. Caso ainda tenha dúvidas ou precise de ajuda para escolher o melhor suplemento com a planta, compartilhe nos comentários que vamos te ajudar.

Até o próximo conteúdo!

1 comentário

Jurimar santos conceicao

Jurimar santos conceicao

Fiz cirurgia cardíaca em2022 sito formigamento pés.posso tomar esse suplemento a

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.